Merck
Página inicialAplicaçõesBiologia de proteínasConcentração de proteínas e troca de tampão

Concentração de proteínas e troca de tampão

Concentração de proteínas usando filtros de membrana porosa. O excesso de fluido líquido passa pela membrana enquanto moléculas de proteínas grandes são retidas

A concentração proteica e a troca de tampão são comumente utilizadas nos fluxos de trabalho de purificação de proteínas e anticorpos, bioprocessamento e análise proteômica. Preparados de amostras de soluções macromoleculares, como proteínas, enzimas, anticorpos e vírus, frequentemente produzem grandes volumes de proteínas diluídas e outras biomoléculas em tampões que são incompatíveis com processos ou detecção a jusante (downstream). Após a extração da amostra, as proteínas diluídas muitas vezes precisam ser concentradas e clarificadas antes da análise ou uso.

Concentração de proteínas

Existem vários métodos para determinar a concentração de proteínas, incluindo filtração com filtros de membrana porosa, diálise em soluções hiperosmóticas e precipitação/precipitação induzida pela adição de sais. A ultrafiltração fornece um método conveniente que utiliza membranas semipermeáveis para concentrar proteínas sob pressão ou força centrífuga com desnaturação, desativação e degradação mínimas das proteínas. Usando essa técnica, o excesso de fluido passa pelo filtro enquanto a proteína-alvo é retida, aumentando a concentração de proteína através da diminuição do volume de amostra.

Enriquecimento de proteínas

No enriquecimento de proteínas, grupos ou tipos de proteínas específicos em uma amostra biológica são concentrados para análise posterior. Métodos de enriquecimento de proteínas são usados para isolar proteínas pouco abundantes e reduzir a complexidade da amostra. O enriquecimento separa e concentra proteínas-alvo para uma melhor análise proteômica a jusante (downstream). A ultrafiltração é frequentemente usada no enriquecimento de proteínas para separar classes de proteínas com base no peso molecular.

Troca de tampão e dessalinização

As proteínas purificadas muitas vezes precisam ser transferidas para um tampão adequado para análise posterior. A troca de tampão, dessalinização e remoção de detergente podem ser realizadas usando métodos incluindo:

  • Diálise: Pequenas moléculas permeáveis, como sais, detergentes, solventes e outras impurezas, são removidas com base em sua capacidade de atravessar uma membrana.
  • Cromatografia em coluna: Os sais são removidos usando colunas de filtração em gel que se baseiam na exclusão por tamanho para separação.
  • Diafiltração: Sais, detergentes e outras impurezas são removidos com base em seus tamanhos moleculares usando membranas de ultrafiltração porosas sob pressão ou força centrífuga.

Artigos técnicos relacionados

Protocolos relacionados

Encontre mais artigos e protocolos




Faça login para continuar

Para continuar lendo, faça login ou crie uma conta.

Ainda não tem uma conta?